TYSUNAME

TYSUNAME
A cor do seu sorriso
Se abrindo
Contando que a vida
É azul.
Onde estava você?
Há um segundo era
Um nada, nada…
E chega na hora incerta.
O céu abençoa
Fingindo não ouvir
Os gritos de tanta gente…

Falo de peito lavado
Qualquer desatenção
Refletem seus olhos.
Snitramus
Editora de Texto
Rosali Gazolla

Related Posts:

    Both comments and pings are currently closed.

    Comments are closed.

    • Facebook
    Pular para a barra de ferramentas