AS MÃES


Coração de mãe

Mãe
Tua graça, teu sorriso
Bem me lembro, pois
Guardo-os comigo no âmago de minh’alma.
Como balsamo quando sinto dor
Durante esse tempo que passou
Trago comigo sua geração.
Ouvi hoje:- será tua voz.
Fundaste em mim as suas bases
E será sempre até o fim dos meus dias
Forte e inabalável
Pois me deste o seu corpo
O seu ventre como vestuário
Quando Deus permitiu minha chegada
Embalou-me com ternura…
Protegendo-me do raio, do frio e do vento.
Escondeu meu rosto da tristeza e do seu pranto
Estendeu tuas mãos para me servir de manto
E seu seio para matar minha fome…
Abençoou-me antes de partir
Para que nunca me sentisse só nesse mundo
Vedou seu olhar do meu
Retornando ao pó
Confiando seus designos
Aos poderes de Deus.
Snitramus
Editora de texto
Rosali Gazolla

Related Posts:

    Both comments and pings are currently closed.

    Comments are closed.

    • Facebook
    Pular para a barra de ferramentas